Sexta, 12 de Julho de 2024
75 98251-4963
Política Retratação

“Escândalo do superfaturamento de veículos em São Gonçalo dos Campos

Após uma análise mais aprofundada e cuidadosa dos fatos, verificamos que a reportagem continha informações imprecisas e infundadas

19/06/2024 18h10
Por: Carlos Valadares
Divulgação
Divulgação

Prezados leitores,

Gostaríamos de nos retratar em relação à matéria intitulada "Escândalo do superfaturamento de veículos em São Gonçalo dos Campos” onde foi erroneamente veiculado que:o vereador Joca e ex-prefeito Carlos Germano são alvos de ação judicial por uso irregular em razão de suposta ilicitude em contrato de locação de veículos automotores pela prefeitura de São Gonçalo", publicada recentemente por nossa equipe.

Após uma análise mais aprofundada e cuidadosa dos fatos, verificamos que a reportagem continha informações imprecisas e infundadas. Esclarecemos que:

1. *Não houve prova conclusiva de superfaturamento*:
  Até o momento, não foram apresentadas provas conclusivas que atestem o superfaturamento no contrato de locação de veículos firmado pela prefeitura de São Gonçalo dos Campos. 
O que está sendo requerido pelo ministério público, nessa tutela de urgência, é a planilha de medição referente aos processos de pagamento relacionados ao contrato de locação de veículos de número 091/2017 da Prefeitura Municipal de São Gonçalo dos Campos.

2. *O envolvimento do vereador Joca e do ex-prefeito Carlos Germano*:
A reportagem inicialmente sugeriu o envolvimento direto e comprovado de Joca e do ex-prefeito Carlos Germano em atos de improbidade administrativa. Entretanto, ressaltamos que ambos os citados negam veementemente qualquer participação em atos ilícitos e estão colaborando com as investigações para esclarecer os fatos.

3. *Presunção de inocência*:
   Reforçamos o princípio constitucional de presunção de inocência, onde todos os indivíduos são considerados inocentes até prova em contrário em instância judicial adequada. Destacamos que tanto o vereador Joca, quanto o ex-prefeito Carlos Germano têm o direito de se defender e apresentarem suas justificativas.
   
4. *Compromisso com a verdade*:
   Nossa equipe de redação reafirma seu compromisso com a ética jornalística e com a busca pela verdade. Lamentamos profundamente que a publicação da matéria possa ter causado transtornos ou prejudicado injustamente a imagem dos envolvidos.

Pedimos desculpas ao vereador Joca, ao ex-prefeito Carlos Germano e a todos os nossos leitores pelos transtornos causados. Continuaremos acompanhando o desenrolar das investigações e comprometemo-nos a trazer informações precisas e imparciais sobre o caso.

Agradecemos pela compreensão e pelo apoio contínuo de nossos leitores.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.