Domingo, 23 de Junho de 2024
75 98251-4963
Polícia Homem morto

Criminoso que matou policial militar da ROTA de SP foi encontrado e morto em Feira de Santana

A Operação Rota Contida, deflagrada na cidade de Feira de Santana, tem como objetivo desmontar a conexão entre traficantes da Bahia e de São Paulo.

04/06/2024 10h39 Atualizada há 3 semanas
Por: Carlos Valadares

Equipes da Força Integrada de Combate ao Crime Organizado (FICCO) e das Polícias Civil, Militar e Federal localizaram na manhã desta terça-feira (4), um criminoso envolvido na morte de um policial militar da ROTA de São Paulo. O cabo Jefferson Ferreira foi atropelado por traficantes em junho de 2020, na Zona Leste da capital paulista.

A Operação Rota Contida, deflagrada na cidade de  Feira de Santana, tem como objetivo desmontar a conexão entre traficantes da Bahia e de SP. As ações de inteligência foram realizadas pela FICCO e 1a Coorpin da PC. A PM e PC de SP deram apoio com informações.

Durante o compartilhamento de dados entre as Polícias da Bahia e de São Paulo foi levantada a possibilidade de um dos indivíduos que participou da morte do PM da ROTA se esconder na cidade de

 Feira de Santana. O traficante tentou se instalar na Bahia usando uma identidade falsa. Após cinco meses de ações de inteligência, foi deflagrada a operação que culminou na localização de Arrepiado, que morava em um hotel de luxo e ostentava carros e relógios importados, além de fornecer drogas, armas e munições para estados do Nordeste.

Durante cumprimento de mandados o criminoso foi encontrado. Ele atirou nas equipes e acabou atingido durante o confronto. O traficante paulista foi socorrido, mas não resistiu. Com ele foram apreendidos uma pistola calibre 380, carregador, munições, veículo, entre outros itens.

“As equipes continuam na rua cumprindo ordens judiciais. Nossa atuação contra facções continuará firme e integrada em toda a Bahia”, declarou o coordenador da FICCO, delegado federal Eduardo Badaró.

Com informações: Carlos Valadares

Por: Mayara Silva

 

 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.